SMS Grátis: Entenda o que é a tecnologia RCS e SMS

sms gratis

SMS grátis seria algo interessante para você? Pois bem! Para a maioria dos usuários de smartphones também. Aliás, para a esmagadora maioria desses usuários.

Para usar de sinceridade, mensagens de texto do tipo SMS (Short Message Service) são meio problemáticas. A gente usa – ou usava, antes da chegada de tantos outros aplicativos – porque não tinha outro jeito. Ou seja, como esse serviço não oferecia e não oferece funcionalidades que se conhece hoje, não se sentia falta de alguns recursos.

Agora os usuários já sentem. Porém, o Google deu um jeitinho nisso. Por isso, dizem alguns entendidos que, em termos de SMS Grátis, as coisas estão mudando. E para melhor.

As mensagens de texto causavam alguns problemas. Em determinadas situações, tais problemas descompensavam o chamado custo-benefício. O mais visível deles é o caráter de não gratuidade.

Além disso, não suportam recibos de leitura, recursos de mensagens em grupo ou os adesivos animados que seus amigos compartilham em aplicativos como o Facebook Messenger, WhatsApp e WeChat. E também dependem de uma conexão de celular – se você está em roaming ou não tem sinal, não pode enviar ou receber mensagens de texto.

Para completar, elas são limitadas a 160 caracteres. Apesar de todas essas limitações e de previsões de seu desaparecimento, as mensagens de texto – ou o que se poderia chamada SMS grátics – continuam incrivelmente populares. Isso é notado no fato de a sigla “SMS” ter se transformado em sinônimo de “mensagem instantânea”.

Assim, quando alguém diz “me envie um SMS”, está se referindo ao ato de se enviar mensagens virtuais. Bem, isso foi até a chegada do WhatsApp, do iMessage e de outros aplicativos.

SMS Grátis com o RCS

pessoa enviando sms grátis
A maioria das pessoas envia mesnagens de texto e adorariam ter SMS grátis.

Bem, mesmo com todas as falhas, a esmagadora maioria dos dos proprietários de smartphones envia mensagens de texto. Por isso, é o recurso mais usado em dispositivos móveis. Em forma de SMS grátis, ainda é bastante querido.

Porém, algo está mudando nesse horizonte. O gigante americano das comunicações, o Google, andou buscando solução para os probleminhas do SMS. Dessa maneira, pretendeu tornar o serviço de aplicativos de mensagens mais valioso e competitivo.

Os fabricantes e operadoras de smartphones se uniram para desenvolver uma abordagem moderna das mensagens de texto. Isto é, o chamada Rich Communication Services – RCS. Pelas especificações dos idealizadores, ele combina o que há de melhor do Facebook Messenger, o que há de mais prático no iMessage e de mais popular no WhatsApp em uma só plataforma.

SMS Grátis: você conhece a história?

pessoa escrevendo sms grátis
Há viam várias outras formas de envio de mensagens diferentes do sms grátis.

Dizem que, para se identificar plenamente a eficiência de um serviço ou produto, é preciso vasculhar a história da evolução desse serviço ou produto. Dessa maneira, a gente tem noção das dificuldades que havia antes da criação e dos esforços dos empreendedores em melhorá-los. A históra dos SMS grátis é interessante.

Como se sabe, a invenção das mensagens de texto se deu anteriormente à invenção dos iPhones, BlackBerry e Palm Pilot. Ela foi proposta pela primeira vez em 1982 para o Sistema Global de Comunicações Móveis – GSM. Este é um padrão de célula de comunicação de segunda geração desenvolvido pelo European Telecommunications Standards Institute – ETSI.

Inicialmente, a ideia principal era transmitir textos por meio de um dos sistemas de sinalização que controlavam o tráfego telefônico. Os engenheiros da ETSI desenvolveram uma estrutura que era pequena o suficiente para caber nas bandas de sinalização existentes. Ou seja, 128 bytes.

Posteriormente, esse sistema foi aprimorado para 160 caracteres de 07 bits. E, para que o funcionamento fosse mais ou menos adequado, foi preciso modular o suficiente para suportar os recursos de gerenciamento da operadora.

Nesse caso, esses recursos eram:

  • Definição de peso de mensagem para cobranças em tempo real
  • Redirecionamentos de mensagens
  • Bloqueio de mensagens quando necessário

A primeira mensagem

Depois de quase uma década de ajustes (veja bem… quase uma década), as tentativas de criação de SMS Grátis tiveram bons resultados. Assim, o sistema foi implantado comercialmente em dezembro de 1992. Tratou-se de verdadeiro marco.

Neil Papworth, um engenheiro da equipe, enviou o texto por SMS grátis “Feliz Natal” para Richard Jarvis, cliente da Vodafone. Nos anos seguintes, fabricantes de celulares como Nokia e operadoras como Fleet Call (agora Nextel) e BT Cellnet (agora O2 UK) entraram no mercado

A entrada dessas empresas no processo de produção do aplicativo foi estímulo considerável. Tanto que, pouco menos de duas décadas depois da primeira mensagem de texto por SMS grátis, os assinantes de celulares já tinham trocado mais de 6 trilhões de mensagens.

Os bons e velhos torpedos

As mensagens instantâneas logo ganharam espaço na vida dos brasileiros. E, como todo povo especialmente bem-humorado, já recebeu um apelido de imediato: “torpedo”. Afinal, dependendo do teor das mensagens, tinham mesmo o efeito de um míssil, de um torpedo.

Isso é interessante: esse apelido passou a identificar as mensagens instantâneas por conta das esposas. As mais ciumentas enviavam mensagens a todo instante. Como essas mensagens chegavam à velocidade impressionante e levavam “verdadeira bombas” para os maridos, foram chamadas “torpedos”.

O IRC

Um dos primeiros mensageiros instantâneos foi o protocolo IRC – ou Instante Relay Chat, verdadeiro precursor do SMS grátis. Criado pelo finlandês Jarkko Oikarinen em 1988, recebeu aval do mercado logo de imediato, especialmente o brasileiro.

Sua fama teve ápice nos primeiros anos da década de 90 também porque era usado exclusivamente em salas e bate-papos. O sentido de privacidade foi base para o sucesso.

O ICQ

Em 1996, foi a vez do ICQ. Saudosistas vão se lembrar do fervor que o aplicativo provocou na época (esses programinhas ainda nem eram chamados de “aplicativos”). Criado por quatro jovens israelenses – Yair Goldfinger, Arik Vardi, Sefi Vigiser e Amnon Amir – iniciou grande competição no mercado de mensagens.

Isso é interessante: quando criaram o programa, os idealizadores buscavam um nome apropriado. Deveria ser algo fácil de memorizar e que, ao mesmo tempo, definisse a função principal: encontrar alguém para conversar. Assim, o som da frase “I seek you” é bem semelhante ao som das siglas ICQ.

O aplicativo dispunha de muitas características. Algumas delas nem eram tão essenciais, mas construíram a aura charmosa do ICQ: o barulhinho de chegada de mensagem, por exemplo. As pessoas se sentiam “encontradas” com ele.

Mas foram a facilidade de comunicação, a disponibilidade de poder ver os amigos que estavam ativos e a velocidade de envio que mais atraíram o mercado. Foi assim que o ICQ fez fama. E ainda está ativo, por incrível que pareça.

A Microsoft

A multinacional americana da informática tentou abocanhar um pedaço do bolo. Lançou o Windows Live Messenger. O programa fez muito sucesso especialmente porque foi criado no auge da popularização da internet.

A primeira versão veio a público próximo aos anos 2000. Os usuários do concorrente ICQ gostaram muito da ideia e migraram para o MSN. Porém, não abandonaram o antigo mensageiro.

O MSN alcançou admiração no mundo inteiro e, e 2005, a empresa optou por trocar o nome para Windows Live Messenger. Entretanto, estava chegando a era das redes sociais, como Orkut e depois o Facebook. Isso fez o aplicativo de mensagens MSN perder força.

Outros

Atualmente, o mercado está pleno de aplicativos de mensagens. A cada ano, surgem novas opções e cada uma delas com avanços extraordinários. A tendência é que os aplicativos de mensagens substituam muitas funcionalidades hoje exclusivas dos telefones celulares.

Além disso, avançam também para outras áreas, como agendas, monitoramento de situações e comportamento etc.

SMS grátis: enfim, o RCS

tela de aparelho ceular mostranso notificações de SMS grátis
Apesar da sua popularidade, o SMS grátis não evoluiu o suficiente.

Apesar do crescimento explosivo dos SMS grátis, ele não evoluiu muito dos sistemas do início dos anos 90. Quando os fatores de forma do telefone mudaram e o iPhone da Apple popularizou o moderno smartphone, imagina-se que o SMS mudaria algo em sua estrutura.

Não foi o que aconteceu, pois o sistema permaneceu do jeito que estava. Ou seja, manteve o limite de 160 caracteres imposto desde o início. De algum maneira, o RCS promete mudar tudo isso. Ou seja, se transformar realmente no melhor veículo de SMS grátis.

Já começa por aí. Trata-se de protocolo que pretende substituir o SMS grátis. Teve um início muito lento: foi formado por um grupo de promotores da indústria em 2007 e submetido às graça da GSM Association, um órgão comercial. Isso foi em 2008.

Porém, a participação da operadora e outros fatores impediram que ela ganhasse real valor por quase uma década. Em 2018, o Google anunciou que estava trabalhando com todas as principais operadoras de celular do mundo para adotar o protocolo RCS.

O resultado é um chat muito mais dinâmico sob um protocolo baseado no RCS Universal Profile que substitui o SMS. As equipes que trabalham no projeto gostam de chamar o RCS de “a próxima evolução do SMS grátis”, conforme afirmou o gerente de produto sênior do Open Market, grande empresa de comércio exterior.

Afinal, o conteúdo é mais rico em mensagens, com recursos como recibos de leitura que são ótimos de se ter.

SMS Grátis: o que há de novo

Bem, o novo protocolo oferece algo muito parecido com o iMessage da Apple, com outros aplicativos de mensagens e com SMS grátis. É um protocolo mais interativo que permite iniciar conversas em grupo e enviar mensagens de vídeo e áudio, além de imagens de alta resolução. Você também poderá ter recibos de leitura e até ver quando alguém está respondendo a sua mensagem em tempo real.

Além de todos os recursos que você esperaria de um aplicativo de mensagens, o SMS grátis RCS dispõe de boas surpresas. O Google vem trabalhando com empresas para adicionar recursos úteis para melhorar a comunicação.

Diferenças entre o RCS e o SMS

pessoa olhando para tela de celular
Há algumas diferenças entre o sistema RCS e o SMS grátis.

É possível identificar 03 diferenças mais destacáveis entre ambos os protocolos para mensagens instantâneas.

Identificação de membros

O SMS identifica seus clientes por meio de criação de código chamado Short Code. Ele tem poucos dígitos – até 6 unidades – e é usado somente por empresas autorizadas.

Já no SMS grátis RCS, o processo de identificação de membros é bem mais flexível. Ou seja, é possível inserir logomarca, alterar cores, instalar imagens mnemônicas no perfil de usuário. Certamente, isso facilita sobremaneira a vida de quem recebe as mensagens.

Diversificação dos tipos de mensagens

Quando foi criado, o SMS procurou um mercado diferenciado que queria realmente instantaneidade na troca de mensagens, rapidez no envio e frequência de respostas. Dessa maneira, limitou o envio a textos e, ainda assim, com restrição de tamanho de mensagens.

Foi dessa maneira que os idealizadores conseguiram que as mensagens por SMS fossem lidas em até 3 minutos depois do envio. De certa maneira, esse caráter oferecia segurança e sensação de importância aos usuários.

Entretanto, como se sabe, o mercado já não é o mesmo. Outros aplicativos de mensagens instantâneas que permitem envio de imagens, documentos, vídeos etc. alteraram a percepção dos usuários. O SMS grátis RCS tem estrutura que permite vários formatos de mensagens.

Mensagens inteligentes

Ainda por conta dos anos em que foi lançado, o SMS se tornou um meio frio de envio de mensagens. A interatividade e a noção de utilidade ficam restritas à sensibilidade dos envolvidos na conversa.

O SMS grátis RCS não tem ainda uma inteligência artificial operando (ainda), mas possui algumas funcionalidades quase próximas a isso. É possível, por exemplo, integrar o perfil de usuários e suas mensagens a uma espécie de banco de dados da empresa.

Dessa maneira, os usuários são apoiados por consultas a mensagens anteriores que facilitam interação e tornam a troca de mensagens bastante assertiva e significativa.

Evolução do SMS Grátis por meio do RCS

pessoa em frente ao computador tentando enviar sms grátis pelo celular
Houve uma evolução do SMS grátis por meio do RCS

As equipes gestoras do SMS Grátis do RCS apostam que quase 90% dos smartphones do planeta se habilitem ao novo protocolo até 2020. E que, em poucos meses posteriores, todas as unidades de telefones móveis disponham desse serviço. Incluindo os iPhones.

Ou seja, as empresas e usuários pessoais terão a novidade instalada em seus aparelhos em pouco tempo. O mercado está se preparando para isso já há algum tempo e as respostas já estão chegando.

Assim, em breve, as empresas terão mais um instrumento de comunicação para:

  1. Manter carteira de clientes bem mais ativa
  2. Fomentar negociações mais rapidamente
  3. Promover trabalhos, serviços, produtos e outras atividades de maneira ainda mais personalizada
  4. Analisar contratos e propostas

Dentre outras situações que se mostram um pouco dificultosas com outros processos de comunicação com seu mercados. Quanto a usuários pessoais, a interatividade promete ser uma das características mais evidentes e atraentes do novo sistema de SMS grátis.

Então é isso. A plataforma por protocolo RCS está se instalando no mercado mudar completamente o comportamento de usuários perante mensagens instantâneas. É ver para crer.

E você, leitor? O que acha? Considera realmente um avanço? Acha mesmo que o RCS pode substituir de vez o SMS grátis? Fale pra gente aí na área de comentários logo abaixo.

RESPONDER